segunda-feira, 23 de março de 2015

Carta testamento de São Luís, Rei de França ao seu filho. de um site católico.

São Luis. 
Abaixo transcrevemos a famosa carta testamento dele para o seu filho:


Luís IX rei de França de 1226 a 1270, nasceu em Poissy em 25 de abril de 1214, filho do rei Luís VIII e da rainha Blanche de Castile. Seu pai morreu em 126 e Blanche serviu como regente defendendo o trono com considerável energia e sabedoria. Luís casou-se com Margarete de Provence, França em 1234 (o casal teve 11 filhos) e Luís assumiu o poder em 1234. Ele terminou com várias revoltas no sul da França e derrotou o Rei Henry III da Inglaterra em 1242 e adicionou as suas terras as da França. Em 1248 Luís embarcou na Sétima Cruzada e foi feito prisioneiro pelos Sarracenos em El Mansur no Egito. Após pagar o resgate para ele e seus homens ele foi para a Terra Santa e lá ficou até 1254 quando Blanche morreu. Após voltar a França ele continuou a aumentar o poder da França enquanto construía numerosos edifícios religiosos e instituições educacionais inclusive a igreja de S.Chapelle em Paris para guardar as relíquias sagradas. Ele é conhecido como o protetor do povo comum, e serviu como mediador de questões e tratados entre outras nações. Luís manteve a paz, diminuiu os impostos e melhorou o sistema legal para que o povo mais simples tivesse acesso as leis e ao sistema legal e foi o patrocinador de vários monumentos arquitetônicos e entusiasticamente construiu ou ajudou a construir casas para a Ordem dos Mendicantes.
Ele defendia os ideais mais nobres dos governantes Medievais. Em 1270 Luís de novo, saiu em uma nova Cruzada, mas na Tunísia contraiu tifo e veio a morrer perto de Tunis no dia 25 de Agosto. Foi canonizado em 1297 pelo Papa Bonifácio VIII (1294-1303).
Sua festa é celebrada no dia 25 de agosto.
                                                           Carta testamento de São Luís, Rei de França ao seu filho.
 Meu querido filho, minha primeira instrução é que você ame o Senhor seu Deus com todo o seu coração e toda a sua força. Sem isso não há salvação. Mantenha-se longe de tudo que Deus não goste ou seja de qualquer pecado mortal. Permita-se ser atormentado por todo e qualquer martírio antes de você cometer um pecado mortal. Se Senhor permitir que você seja testado, aceite com gratitude e com força de vontade, considerando que está acontecendo para o seu bem e talvez você venha de merecer. Se o Senhor tirar de você qualquer tipo de prosperidade agradeça-O humildemente e cuide para que você não se torne pior por causa disso, ou por vaidade ou orgulho ou qualquer outra coisa, porque você não pode se opor a Deus e nem questiona-Lo nos seus presentes e dons.
Seja bom de coração e bondoso aos pobres, desafortunados e os aflitos. Dê a eles a maior ajuda que puder e os console se conseguir. Agradeça a Deus por todos as graças e benefícios que Ele der a você, e faça valer a pena receber maiores graças e benefícios futuros. Sempre fique do lado dos pobres e não dos ricos até ter certeza da verdade. Seja devoto e obediente a nossa mãe a Igreja de Roma e ao Supremo Pontífice como seu pai espiritual.
Concluindo queridíssimo filho, eu dou a você todas as bênçãos de um pai que ama pode dar a um filho. E que a Santíssima Trindade e todos os santos protejam você de todos os demônios. E possa o Senhor dar a você a graça de ser servido e honrado através de você e que na próxima vida nós possamos, juntos, vê-LO, ama-LO e louva-LO sem cessar. Amém.
São Luís IX, Rei da França


https://coracaosacerdotal.wordpress.com/2011/08/28/carta-testamento-de-sao-luis-ix-rei-de-franca-ao-seu-filho/