quarta-feira, 8 de abril de 2015

CONVERSINHA - DINASTIAS E REIS DE FRANÇA A PARTIR DE HUGO CAPETO. PARTE 4



Luís XVIII
Dos três irmãos – Luís XVI, ele, e Carlos X – foi o único a morrer em seu leito de Soberano da França, no château des Tuileries.



PRIMEIRA RESTAURAÇÃO APÓS A PRIMEIRA QUEDA DE BOPNAPARTE.
Casa Capetiniana de Bourbon (1814-1815)
Nom
Début du règne
Fin du règne
Louis XVIII « le Désiré »
O Desejado
(17 novembre 1755 – 16 septembre 1824)
6 avril
1814
20 mars
1815

PRIMEIRA RESTAURAÇÃO APÓS A SEGUNDA QUEDA DE BOPNAPARTE.
Casa Capetiniana de Bourbon (1815-1830)

Nom
Début du règne
Fin du règne
Louis XVIII « le Désiré »
O Desejado
(17 novembre 1755 – 16 septembre 1824)
8 juillet
1815
16 septembre
1824
Charles X
(9 octobre 1757 – 6 novembre 1836)
16 septembre
1824
2 août
1830


Carlos X
Como Soberano foi tão insresponsavel quanto era na mocidade como Conde d’Artois no château de Versailles.
Faleceu no exilio em Görz, Império Austríaco, em 6 de novembro de 1836.



 Louis-Philippe Ier


Casa de Orleans e Monarquia de Julho. 1830 a 1848



Louis-Philippe, Roi de France de 1830 à 1848 (Monarchie de Juillet)

Nom
Début du règne
Fin du règne
Louis-Philippe Ier « le Roi-Citoyen »
O Rei Cidadão
(6 octobre 1773 – 26 août 1850)
9 août
1830
24 février
1848

Luís Felipe era filho do Regicida Philippe Égalité, pois votou pela morte do primo, Luís XVI, na Revolução de 1789.
O Regicida nasceu Louis-Philippe-Joseph d’Orléans, Duque de Chartres, depois Duque d’Orléans, mas acabou guilhotinado em 6 de novembro de 1793.
Em 25 de novembro de 1809, na cidade de Palermo, Regno delle Due Sicilie, Luís Felipe casou com Marie Amélie Thérèse de Bourbon, princesse de Naples et de Sicile e foram pais de 10 filhos:
1-      Ferdinand-Philippe (1810-1842 acidente de carro), Príncipe de Sangue, Duque de Chartres, tornou-se Príncipe Herdeiro e Duque de Orleans, em 1837 casou com a Duquesa Helene de Mecklenburg-Schwerin;
2-      Louise-Marie (1812-1850), Princesa de Sangue, Princesa Louise de Orléans, casou em 1832, Leopold I primeiro Rei dos Belgas (1790-1865);
3-      Marie (1813-1839), Princesa de Sangue, Princesa Marie d'Orleans em 1837 se casou com o Duque de Württemberg Alexander (1804-1881);
4-      Louis Charles Philippe Raphaël d’Orléans (1814-1896), Príncipe de Sangue, Duque de Nemours; casou em 1840 com a Princesa Victoria de Saxe-Coburg e Gotha (1822-1857);
5-      Françoise (1816-1818), Princesa de Sangue;
6-      Clementine (1817-1907), Princesa de Sangue, Princesa Clementine de Orleans, casou em 1843 com o Príncipe Augusto de Saxe-Coburgo-Gota, Príncipe de Saxe Coburgo Gotha e Duque de Saxônia;
7-      François (1818-1900), Príncipe de Sangue, o Príncipe de Joinville; casou em 1843, com Dona Maria Francisca de Bragança, Princesa Imperial Brasileira, filha do Imperador Pedro I (mais tarde Rei D. Pedro IV de Portugal) e sua primeira esposa, a Arquiduquesa Leopoldina de Habsburgo.
8-      Charles (1820-1828), Príncipe de Sangue, Duque de Penthièvre;
9-      Henri (1822-1897), Príncipe de Sangue, Duque de Aumale; casou em 1844 com a Princesa Caroline de Nápoles e Sicília
10-   Antoine (1824-1890), Príncipe de Sangue, Duque de Montpensier, ou Don Antonio de Orleans, Infante de Espanha, em 1846, casou-se com Doña María Luisa Fernanda de Borbón, Infanta de España, a irmã da Rainha Doña Isabel II.



Mariage du duc de Nemours à Saint-Cloud.

Louis Charles Philippe Raphaël d’Orléans, Príncipe de Sangue, elevado a sexto Duque de Nemours por Sua Majestade Luís XVIII, Major General do Exército Real sob a Restauração citada acima, membro da Câmara dos Pares.
“Em 25 de janeiro 1840, o chefe de governo, Jean-de-Dieu Soult-  Duque da Dalmácia e do Império, Par de França (por cartas patentes de 8 outubro 1828), anuncia o próximo casamento do Duque de Nemours com a Princesa Victoria de Saxe-Cobourg- Gotha - Kohary e apresentar um projeto de lei que institui uma dotação de quinhentos mil francos de renda anual para o Príncipe e um subsídio de quinhentos mil francos para as despesas do casamento e de estabelecimento”.
Victoire Auguste Françoise Antoinette Julienne Louise de Saxe-Cobourg- Gotha- Kohary, em alemão Viktoria Franziska Antonia Juliane Luise von Sachsen-Coburg – Gotha un Kohary, nasceu em Viena, 14 de fevereiro de 1822 e faleceu em Clermont, Inglaterra, 10 de novembro de 1857, era filha de única do Príncipe Fernando de Saxe-Coburgo-Gotha e sua esposa, Maria Antonia de koháry , Princesa Hereditária de Hungria.
Seus avós paternos foram o Duque Francisco de Saxe-Coburgo-Saalfeld e sua segunda esposa, a Condessa Augusta de Reuss-Ebersdorf.
Ela era a irmã de Fernando Augusto Francisco António de Saxe-Coburgo-Gota-Koháry, futuro Rei de Portugal (jure uxoris), Dom Fernando II, "O Rei-Artista", Marechal-general do Exército de Portugal, posto reservado ao próprio Rei, na sua função de Comandante Supremo do Exército , pois casou por procuração em Coburgo, no dia 1 de Janeiro de 1836, e no religioso em Lisboa, em pessoa, na Sé Patriarcal, no dia 9 de Abril do mesmo ano, com Dona Maria da Glória Joana Carlota Leopoldina da Cruz Francisca Xavier de Paula Isidora Micaela Gabriela Rafaela Gonzaga de Bragança , ninguém mais do que Dona Maria II, Rainha de Portugal e dos Algarves, d'Aquém e d'Além-Mar em África, etc.... a nossa Dona Maria da Gloria, filha de Dom Pedro I e de Dona Leopoldina, que foi a primeira Princesa Imperial do Brasil, e a primeira Princesa do Grão-Pará.
Victoria de Nemours, em 1848, durante a Revolução de Fevereiro, a Família Real Francesa foi para o exílio na Inglaterra, onde ela se reencontrou com sua prima e amiga de infância, a Rainha Vitória, Rainha e Imperatriz.
As primas tinham uma relação muito estreita e a Duquesa de Nemours passou longos períodos com a Rainha da Inglaterra enquanto foi sua hóspede em Osborne House.
Portanto:
Em 27 de abril de 1840, em Saint-Cloud, França, ela desposou Louis Charles Philippe Raphaël d’Orléans, e foram pais de:
1-      Gastão de Orléans, ou Luís Filipe Maria Fernando Gastão de Orléans, Louis Philippe Marie Ferdinand Gaston d'Orléans et Saxe-Cobourg et Gotha, nascido em Neuilly-sur-Seine, em 28 de abril de 1842 e falecido as costas de Pernambuco, no Oceano Atlântico, a bordo do navio Massilia, que mais uma vez o trazia ao Brasil, para a celebração do primeiro centenário da independência do país, em 28 de agosto de 1922. Foi ao nascer elevado a Conde d’Eu por seu avô Rei Louis-Philippe I, e Príncipe Imperial consorte do Brasil por seu casamento com a Princesa Imperial. Foi Generalíssimo, ou Comandante- em – Chefe dos Exércitos Imperiais na Guerra do Paraguay (consta que contra sua vontade).
Em 15 de outubro 1864, Gaston d’Orléans casou no Rio de Janeiro, com Dona Isabel Cristina Leopoldina Augusta Micaela Gabriela Rafaela Gonzaga de Bragança e Bourbon, de Sangue Habsburgo, a Princesa Isabel, última Princesa Imperial e Regente do Império do Brasil (por três ocasiões), filha do imperador Dom Pedro II, e da Imperatriz Dona Teresa Cristina de Bourbon. Foi a terceira chefe de Estado e chefe de governo brasileira após sua avó, Dona Leopoldina e sua trisavó, Dona Maria I, sendo considerada, de jure, Sua Majestade Imperial, Dona Isabel I, Imperatriz Constitucional e Defensora Perpétua do Brasil. Nascida no Palácio Imperial de São Cristóvão (Quinta da Boa Vista ou Paço da Imperial Quinta de São Cristóvão), na cidade do Rio de Janeiro, em 29 de julho de 1846, e falecida no exilio na França, no Château d'Eu, em Eu, no departamento de Seine-Maritime na região de Haute-Normandie, em 14 de novembro de 1921.
Ambos estão sepultados no Mausoléu Imperial é uma pequena capela situada à direita do adro da Catedral de São Pedro de Alcântara, na cidade de Petrópolis, no estado do Rio de Janeiro, Brasil.

Gaston d'Orleans
 Príncipe Imperial consorte do Brasil
Generalíssimo, ou Comandante- em – Chefe dos Exércitos Imperiais do Brasil.
Conde d’Eu.

2-      Fernando Filipe Maria, Duque d'Alençon (1844-1910), casou-se com Sofia Carlota da Baviera;
3-      Margarida (1846-1893), casou-se com o príncipe Ladislau Czartoryski;
4-      Branca (1857-1932), não se casou.




  

Da esquerda para a direita: Luís, Príncipe Imperial, Pedro Henrique, Príncipe do Grão-Pará, Dona Isabel, Imperatriz de Jure do Brasil, Princesa Pia Maria, Maria Pia, Princesa-consorte do Brasil, Gastão d´Orléans, Conde d´Eu, e o Príncipe Luís Gastão.

Image illustrative de l'article Château d'Eu

                                 Château d'Eu